teste minha imagem
Google+

Dica Nível Básico

Dicas para fazer fotos mais espontâneas

Ao fotografar, muita gente procura capturar fotos mais espontâneas e naturais. Quando tem espontaneidade, parece que uma foto é capaz de ganhar vida – e realmente ganha.

Logo de saída é bom dizer: não existe um caminho perfeito para captar um click espontâneo. Fatores como momento, lugar, humor, envolvimento e experiência do fotógrafo ajudam a construir uma imagem com vivacidade.

Mas nem tudo está perdido. Existem alguns comportamento que você pode usar para facilitar a construção do momento espontâneo.

Use a câmera no pescoço, mas não fotografe. Pelo menos não nos primeiros momentos de interação.

Muitas pessoas ficam acanhadas quando percebem que estão sendo fotografadas. Essa timidez acaba sendo refletida nas expressões e, consequentemente, nas imagens.

Mas todo acanhamento acaba se desfazendo quando há intimidade. Na fotografia, vale a mesma regra.

Por isso, a sugestão é que você coloque a câmera no pescoço ou porte a câmera na mão e comece a interagir com as pessoas que serão fotografadas. O segredo é não fazer nenhuma foto neste momento. É só portar a câmera consigo e mostrar como ela está no ambiente de maneira natural e não demonstra nenhum tipo de ameaça.

Fale até sobre outras coisas que podem não ser necessariamente relacionadas às fotos. Mas sempre com a câmera em mãos ou no pescoço.

Dali em alguns instantes, as pessoas vão começar a se sentir mais à vontade com a presença da câmera e, então, você pode iniciar seus clicks.

Tente fotografar de longe. Use lentes tele.

Ainda com o pensamento de tirar o acanhamento, fotografar à distância pode ser uma boa saída.

Nessa situação, para conseguir fotos com enquadramentos mais próximos, é essencial usar uma lente do tipo teleobjetiva.

Lentes desse tipo são principalmente indicadas para fotografar de longe. Elas têm distâncias focais perfeitas para conseguir ângulos mais próximos do que se deseja fotografar, mesmo que o fotógrafo esteja mais distante.

  

Funciona assim: deixe as pessoas agindo naturalmente no ambiente que estão interagindo. Isso pode ser numa viagem, num evento em família ou outros momentos que tenham essa vivência social mais espontânea.

Então, afaste-se com a câmera, coloque uma lente tele e vá escolhendo os enquadramentos. Como você estará mais distante e as pessoas não vão perceber a câmera com tanta intensidade, há uma forte tendência à espontaneidade.

As opções de lentes tele que você pode usar são muitas: EF-S 55-250mm f/4-5.6 IS II, EF 70-200mm f/4L USM, EF 75-300mm f/4-5.6 III e EF 100-400mm f/4.5-5.6L IS II USM. Esses são apenas alguns exemplos de lente tele.

Se pedir para posar, dirija a pessoa de um jeito leve e envolvente.

Foto com pose em si já quebra a naturalidade da pessoa, mas se estiver numa situação em que seja necessário posar para a foto, procure dirigir a cena de um jeito divertido.

Vá conversando com a pessoa, provoque sorrisos, faça até algumas piadas, mas traga essa espontaneidade à tona com abordagens mais leves.

Para a espontaneidade, não precisa dizer exatamente o que a pessoa tem que fazer. Envolva-a e vá fazendo os clicks.

--------

É bom reforçar: espontaneidade não tem fórmula exata. O melhor modo para desenvolver essas técnicas é praticando sempre. Pegue sua câmera e vá buscando essas fotos espontâneas. Vai ser ótimo!

Comentários

Deixe seu comentário