teste minha imagem
Google+

Blog 26.02.2018

Os segredos da fotografia urbana

SALVO PELA FOTO

Conheci a fotografia quando comecei a trabalhar numa produtora, com 15 anos de idade. Minha mãe era faxineira da proprietária e, na época, elas me chamaram para trabalhar. Nunca passou pela minha cabeça trabalhar com fotografia. Não sabia de nada, era uma realidade bem distante para mim.

Nasci em Paraisópolis, segunda maior favela de São Paulo, onde poucas informações e oportunidades chegavam até os jovens. Hoje já é diferente.

A fotografia foi uma escapatória para tudo o que havia de ruim e poderia arruinar a minha vida no futuro. Jovens periféricos convivem com o crime e as drogas, e essa difícil realidade acaba influenciando muitos. Eu não queria seguir esse caminho de maneira nenhuma. Fui salvo pela fotografia.


Canon EOS Rebel XTI- 1/125 - EF-S 18-55mm f/3.5-5.6 STM - ISO:100

MOSTRAR AO MUNDO O OLHAR DE ONDE SE VIVE

Com a fotografia, descobri que podia mostrar meu olhar ao mundo por meio da câmera e, ao mesmo tempo, inspirar pessoas e sensibilizá-las por meio das imagens.

Gosto muito de fotografia de rua. Quando estou nas ruas, procuro ouvi-las, deixo que tragam os momentos até minha câmera. Tento me conectar com um momento específico, aquele que multidões deixam passar despercebido.


Canon EOS Rebel T5i - 1/160 - EF-S 24mm f/2.8 STM - ISO: 640


Canon EOS 6D - 1/125 - EF 50mm f/1.8 USM - ISO: 320

Atualmente, tenho acompanhado bastante os trabalhos de Travis Jensen, Andre D. Wagner, Stephen Vanasco e Jamal Burger. Fico impressionado com a evolução deles, sempre buscando mostrar as coisas urbanas de um jeito diferente. Isso é muito desafiador e me inspira muito.

COMO OLHO E REGISTRO A CIDADE

Tento mostrar a cidade exatamente como ela é. Às vezes, fico observando o comportamento das pessoas nas ruas, mas sem fotografá-las: olho a forma como andam e o que estão carregando nas mãos. Percebo que são momentos interessantes para registrar.

Também gosto de observar as formações das sombras sobre os prédios e outros elementos da cidade.


Canon EOS 6D - 1/500 - EF 35mm f/2 IS USM - ISO: 200


Canon EOS Rebel T5i - 1/400- EF-S 24mm f/2.8 STM - ISO: 400


Canon EOS Rebel T5i - Bulb 3,2"- EF-S 18-135mm f/3.5-5.6 IS STM - ISO: 320

Quando estou caminhando, gosto de deixar a câmera na altura dos joelhos e fotografar sem ver – são fotos de baixo para cima ou de cima para baixo que acabam dando certo. Muitas pessoas me perguntam como tirei determinada foto e geralmente é assim.


Canon EOS 6D - 1/125 - EF 50mm f/1.8 USM  - ISO:1000


Canon EOS 6D - 1/1000- EF 35mm f/2 IS USM - ISO: 400

Eu amo simetria: procuro sempre usar essa técnica para compor minhas fotos. Mas também gosto de quebrar as regras de composição.


Canon EOS Rebel T5i - 1/320- EF-S 18-135mm f/3.5-5.6 IS STM- 4.5 - ISO: 320

EQUIPAMENTOS

Eu sempre usei Canon. Minha primeira câmera foi uma Canon EOS Rebel XTI, depois, troquei para Canon EOS Rebel T5i e, atualmente, tenho uma Canon EOS 6D com as lentes EF 35mm f/2 IS USM, EF 50mm f/1.8 USM e EF 20mm f/2.8 USM.

Prefiro usar lentes fixas para a fotografia urbana porque me possibilitam testar novos ângulos, ajudam em meu processo criativo e, o principal, não chamam tanto a atenção nas ruas.


Canon EOS 6D - 1/500- EF 35mm f/2 IS USM - ISO:320


Canon EOS 6D - 1/400 - EF 50mm f/1.8 USM - ISO:320


Canon EOS 6D - 1/5s - EF 20mm f/2.8 USM - ISO:320

-------------

Encontre a cidade com sua câmera. Ela está cheia de imagens a serem descobertas.

Publicado por: Daniel Eduardo Categoria: Inspire-se

Comentários

Deixe seu comentário